segunda-feira, 21 de setembro de 2009

Escolha o Seu Tempero (Parte I)



A internet pode ser tanto uma fonte de conhecimento e lazer, como também de confusão nas nossa leigas cabecinhas. Nas minhas andanças virtuais, li que o meu amado ajudante na cozinha, o ajinomoto (glutamato monossódico), faz mal à saude. Os males iriam desde o aumento de peso até mesmo câncer. Bom, parece que nem tudo isso já foi provado cientificamente. Mas como eu já estava procurando me alimentar de forma mais saudável e natural, resolvi não arriscar e diminuir o uso não só do glutamato monossódico, como também dos tão práticos temperos e caldo prontos. E é bom lembrar que eles são ricos em sódio, e esse sim é, comprovadamente, muito ruim para a saúde.

A revista Saúde, do mês de agosto me incentivou com uma reportagem que falava dos benefícios de diversos temperos e especiarias que eu até tenho em casa, mas nem lembrava de usar. O melhor é que eu descobri que é totalmente possível fazer uma carne muito saborosa sem nenhum tabletinho mágico.

Nesse post vai a primeira parte dos temperos que a revista apresenta com seus respectivos benefícios.

Vinagre - diminui a carga glicêmica dos alimentos, ou seja, ajuda a retardar a absorção de glicose fornecida pela comida no organismo. Resultado: Redução do índice de massa corporal, da circunferência abdominal e dos níveis de triglicérides no sangue.

Açafrão e Curry - são ricos em curcumina, que evita a formação de vasos que alimentam o tecido gorduroso, reduz inflamações e evita o desenvolvimento de tumores.

Erva-doce - além de rica em vitamina C, cálcio e potássio, ela tem muitas fibras, que aumentam a sensação de saciedade. Para quem está de olho no peso: 100 g de erva doce possuem apenas 18 calorias.

Veja a segunda parte deste post.

Sobre o glutamato monossódico, leiam e tirem suas próprias conclusões: Revista Saúde, IG Gourmet e Diário de Uma Natureba.


(Foto de  Mark Sweep)

2 comentários:

Alexandre Vaz disse...

Gente eu não sabia disso não! Vou ficar mais atento e evitar esses "temperos mágicos", que aliás não são lá muito mágicos não. Prefiro os naturais, mas quem nunca os usou que atire a primeira pedra.

Embora eu não "esquente a barriga no fogão" com frequência (Para dizer a verdade, quase nunca), vou usar mais a erva-doce, já gostava dela antes e agora acho que vou gostar mais.

Falando em tempero, gosto muito de manjericão, porém não daquele moído (acho que é moído mesmo), se tiver alguma sugestão de onde ele fica bom, além da pizza...

Obrigado, bjaum

Ana Leticia disse...

Eu acho que manjericão combina com massas, carnes e onde sua imaginação deixar :)

Related Posts with Thumbnails